Artigos


Despertar o que há de melhor em nós e no próximo


Segunda-feira, 15 de outubro de 2018


Imagem | Despertar o que há de melhor em nós e no próximo

Por mais difícil que pareça, uma calúnia ou difamação, ou o fato de sermos injustiçados e mal compreendidos pela sociedade, até mesmo pelos nossos grupos de amigos e familiares, a melhor forma de se agir é usando aquele exemplo do filtro de café.
 
Após filtrar com sabedoria determinadas opiniões e ações, algumas das respostas se tornarão uma bebida salutar, capazes de alegrar nossas vidas, pois foram capazes de nos edificar. Outras servirão para o nosso amadurecimento, como a borra que se bem aproveitada é usada como adubo. Como diria Dom Helder Câmara: “Se discordas de mim, tu me enriqueces”.
 
De fato, os bons conselhos e conceitos nos alegram. Os maus devem nos impulsionar para que busquemos melhorar nossas atitudes, e no caso de não fazerem sentido é preciso que abandonemos e continuemos a nossa vida se importando com atos que façam sentido e tenham coerência com a nossa vida e com os demais que convivemos.
 
A sabedoria e a prudência nos ajudarão a fazer esta distinção sem nos prejudicar. É sempre um grande desafio agir desta forma, porém é o melhor caminho a se trilhar se não quisermos viver uma vida pautada pela massa que nos gera hipocrisias e perdas de tempo.
 
Viver de cobranças e satisfação aos outros significa impor-lhes um fardo desnecessário e isso gera maldade e imposição. O caminho que devemos seguir deve ser o caminho da compreensão e da limitação do próximo. Isso é sensibilidade.
 
Busque despertar o que há de melhor no irmão levando-o a cumprir seus deveres na expressa esperança de superação. Isso é caridade, a forma correta do existir humano. É preciso ter a esperança de semear coisas boas e saber que somos cercados por pessoas que buscam a superação e se empenham em ser melhor a cada dia.
Imagem: br.freepik.com
 

Comentários



Sobre o Autor


Seminarista Daniel Canevarollo

Daniel cursa o 3º ano de Fiolosfia em São José do Rio Preto. E-mail: danielcanevarollo@gmail.com

Artigos do Autor