Notícias


Diocese de Barretos estará representada no 12º Encontro Internacional das Equipes de Nossa Senhora em Portugal


Terça-feira, 10 de julho de 2018


Foto | Diocese de Barretos estará representada no 12º Encontro Internacional das Equipes de Nossa Senhora em Portugal

O padre Luís Fernando Nascimento, chanceler do bispado, está em peregrinação pela Europa na companhia de cinco casais das Equipes de Nossa Senhora de Barretos, desde o dia 03 de julho. A peregrinação teve início em Roma, Itália, e terminará em Fátima, Portugal.
Eles participarão do 12º Encontro Internacional das Equipes de Nossa Senhora em Fátima, de 16 a 21 de julho. O Evangelho escolhido como tema é o da passagem do “Filho Pródigo” (Lc 15, 12-32).
 
Dom José Tolentino Mendonça vai ser o orador principal do Encontro. Todas as manhãs (depois do momento de oração realizada em cada dia por um casal diferente de uma das várias Supra regiões) o bispo fará uma meditação feita com base num versículo do Evangelho do Filho Pródigo. Esses trechos da Sagrada Escritura vão remeter para cinco temas, um em cada dia: Liberdade, Dissipação, Arrependimento, Misericórdia e Festa.
 
Poeta e teólogo, Dom José Tolentino foi sem dúvida um dos sacerdotes mais midiáticos dos últimos meses por ter sido escolhido para pregar o Retiro Quaresmal do Papa Francisco. Como arcebispo foi nomeado para os cargos de arquivista e bibliotecário da Santa Sé.
 
Luciana e Douglas Bernardo, Renata e Luiz Fernando Miziara, Elzane e Márcio Pimenta, Erivânia e Vagner Longo, Bárbara e Aroldo Calegari, Marli e Marco Ferreira, e o sacerdote que é o responsável pelo movimento na Diocese de Barretos, representarão o movimento no evento.
 
A primeira edição do evento aconteceu em Roma, em 1954. Em 2012, Brasília sediou o encontro.  O Encontro Internacional é uma tradição:  de seis em seis anos, os equipistas do mundo inteiro reúnem-se num lugar diferente.
 
A razão de ser das Equipes de Nossa Senhora é ajudar os casais a descobrir as riquezas do sacramento do Matrimônio e a viver o seu casal na fé.  Pelo seu exemplo, os casais das Equipes de Nossa Senhora querem ser testemunhas do matrimônio cristão na Igreja e no mundo.
O movimento tem esse nome porque o coloca sob a proteção de Nossa Senhora. Maria leva a Cristo, que é o centro da vida espiritual dos equipistas. Para eles, Maria é o exemplo perfeito do “sim” ao apelo de Deus.
 

Comentários